Edgar Allan Poe

página do projeto fortuna sob curadoria de Vinícius Loureiro

Apresentação

Sejam bem-vindos ao portal brasileiro dedicado a Walter Benjamin!

Este portal está sob a curadoria de Leonardo Alves de Lima e Patrick Gert Bange e faz parte do Projeto Fortuna, vinculado ao Programa de Pós-graduação em Ciência da Literatura da Faculdade de Letras da UFRJ [aqui], sob a coordenação do professor Dr. Ricardo Pinto de Souza. Nosso objetivo central é criar um site cuidadoso para os pesquisadores de iniciação científica e pós-graduação, bem como outros amantes e interessados em Benjamin. Assim, reunimos nele: iconografia, textos críticos e material multimídia. Outro objetivo é formar uma rede de pesquisadores da obra de Walter Benjamin e dar mais visibilidade a suas produções.

Também convidamos a todos para o encontro anual Benjaminiana, evento dedicado à obra de Walter Benjamin, visando justamente reunir pesquisadores dos mais diversos campos que trabalham com ou circulam ao redor de sua obra. Esperamos que seja um momento importante de troca e que aqui seja algo assim como um ponto de encontro. Contamos com sua ajuda e divulgação na construção deste espaço e o convidamos a seguir o projeto nas principais redes sociais.

Boa Leitura!

contato:
e-mail da página de Poe:
Vinícius Loureiro: loureiro.vn@gmail.com

início

Atualizações

2017

1 de outubro :: lançamento da página

4 de dezembro :: versão final com conteúdo

6-8 de dezembro :: Benjaminiana 2017

histórico completo

início

Biografia

Nota biográfica e fontes sobre a vida de Edgar Allan Poe

Cronologia da vida de Edgar Allan Poe

por Vinícius Loureiro

1809 Poe nasce em Boston, aos 19 de janeiro, numa casa na Rua Carver.

1811 Desaparecimento de David Poe, seu pai, e morte de Elizabeth David Poe, sua mãe, em 8 de dezembro. Edgar é levado à casa de John e Frances Allan para sua tutela, mas não foi legalmente adotado.

1812 Sob a guarda legal dos Allan, Poe vive com a família na esquina da Rua Main com a 13ª em Richmond.

1815 Em 23 de junho, os Allan vão de navio de Norfolk a Liverpool, levando o jovem Edgar "Allan" Poe consigo.

1816-1819 Poe prossegue com os estudos em diferentes colégios na Inglaterra.

1820 Em 20 de junho, Poe retorna aos Estados Unidos da Inglaterra com os Allan.

1821-1825 Poe cresce em Richmond, é atleticamente ativo e sente-se atraído pela literatura Romântica contemporânea. Apaixona-se por Jane Stith Stanard e Sarah Elmira Royster, tentando um "noivado" com esta. Início dos conflitos com John Allan a respeito de questões financeiras e escolhas profissionais.

1826 Poe ingressa na Universidade da Virginia em Charlottesville em 14 de fevereiro, mas é obrigado a se retirar por Allan em dezembro por conta de dívidas de jogo. Poe trabalha como empregado para Allan sem receber salário.

1827 Em 19 de março, após uma briga com Allan, Poe deixa Richmond para iniciar sua própria carreira, dirigindo-se a Boston. Em 26 de maio, Poe ingressa no exército dos Estados Unidos. O livro "Tamerlane e outros poemas" é publicado em junho.

1829 Após a morte de Frances Allan, Poe retorna a Richmond para uma tentativa de reconciliação com John Allan. Dispensado do exército, passa a morar com sua tia Maria Clemm em Baltimore. Em dezembro, publica "Al Aaraaf, Tamerlane e outros poemas".

1831 Segunda edição de seus poemas publicada em Nova York. Começa a escrever e enviar histórias para o Philadelphia Saturday Courier.

1832 Uma última visita a Richmond encerra a relação com John Allan, que então revisa seu testamento, omitindo Edgar. Continua a enviar suas histórias para vários jornais e revistas.

1833 Em 12 de outubro, Poe recebe um prêmio de 100 dólares do Baltimore Saturday Visiter por "Manuscrito encontrado em uma garrafa".

1835 O Southern Literary Messenger publica "Berenice", "Hans Pfaal" e diversas resenhas de Poe. Em setembro, uma licença matrimonial é emitida para Edgar e Virginia Clemm, mas não há evidência de qualquer cerimônia.

1836 Poe e Virginia se casam em 16 de maio. Contribui com resenhas abrasivas para o Southern Literary Messenger.

1837 O Southern Literary Messenger publica vários capítulos de "Arthur Gordon Pym". Poe reside em Nova York, contribuindo com resenhas para diversos jornais.

1838 Em julho, é publicado "A narrativa de Arthur Gordon Pym". No verão, Poe, Virginia e Maria Clemm se mudam para a Filadélfia. "Ligeia" é publicado.

1839 Poe se torna coeditor da Burton’s Gentleman’s Magazine. Ele escreve ensaios sobre criptografia, publica "A queda da casa de Usher" e estende sua reputação como crítico atroz. Em dezembro, é publicado "Contos do Grotesco e do Arabesco".

1840 Inicia e aborta "O diário de Julius Rodman". Tentativa falhada de promover a própria revista, The Penn Magazine.

1841 Aproxima-se da Graham's Magazine, publicando resenhas e "Rue Morgue". Corresponde-se com James Fenimore Cooper e trava conhecimento com Rufus Wilmot Griswold.

1842 Poe abandona seu cargo editorial na Graham's em abril, tendo publicado alguns de seus melhores trabalhos na revista, incluindo "A máscara da morte rubra". Os problemas pulmonares de Virginia e o crescente alcoolismo de Poe marcam um ano de desemprego e problemas financeiros. Corresponde-se com Charles Dickens e é solicitado por James Russell Lowell para contribuir com sua revista The Pioneer.

1843 Nova tentativa fracassada de fundar a própria revista, The Stylus. "O coração delator" aparece na edição de janeiro de The Pioneer. Em junho, o Philadelphia Dollar Newspaper concede a Poe um prêmio de 100 dólares por "O escaravelho de ouro". Prossegue a contribuição com a Graham's e dá palestras sobre poesia.

1844 Poe corta relações com a Graham's e retorna a Nova York com Virginia e Maria Clemm. Com a piora na saúde de Virginia, escreve para tabloides e publica "O embuste do balão", tendo algum sucesso.

1845 O New York Evening Mirror publica "O corvo" em 29 de janeiro. Poe goza de apreciação no meio dos círculos literários da cidade, palestrando e promovendo leituras públicas, e é contratado como editor para o Broadway Journal. Wiley e Putnam publicam "Contos de Edgar Allan Poe" e "O corvo e outros poemas".

1846 Encerramento das atividades do Broadway Journal. Poe e Virginia se mudam para um chalé em Fordham. Começa uma amizade com Frances S. Osgood. Publica "A filosofia da composição" e "O barril de amontillado".

1847 Virginia Clemm Poe morre em 30 de janeiro. Em "A filosofia da composição", Poe havia escrito que "a morte de uma bela mulher é, inquestionavelmente, o mais poético dos assuntos".

1848 Poe publica "Eureka: um poema em prosa". Envolve-se sentimentalmente com duas moças, Annie Richmond e Sarah Helen Whitman. Tentativa de suicídio em novembro.

1849 Em julho, Poe retorna a Richmond para nova tentativa com Sarah Elmira Royster, agora viúva. Mais palestras, leituras de poesias, problemas com álcool e períodos de instabilidade. Compõe "Annabel Lee", seu último poema. Em 3 de outubro, é encontrado delirante na rua próximo a uma taverna. Levado ao Washington College Hospital, Poe morre no domingo, 7 de outubro, às 5 da manhã. Supostamente, suas últimas palavras foram "Que Deus ajude minha pobre alma". É enterrado no Cemitério Presbiteriano de Baltimore no dia seguinte.

1850 Obituário calunioso assinado por Rufus Griswold é publicado, contendo injúrias destinadas a Poe que demorariam décadas para serem desmentidas.

início

Bibliografia

Obra, crítica e bibliotecas sobre Walter Benjamin, links para recursos online.

Bibliografia de Edgar Allan Poe Fortuna Crítica Recursos online

Bibliografia de Edgar Allan Poe

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Maecenas ac quam risus, at tempus justo. Sed dictum rutrum massa eu volutpat. Quisque vitae hendrerit sem. Pellentesque lorem felis, ultricies a bibendum id, bibendum sit amet nisl. Mauris et lorem quam. Maecenas rutrum imperdiet vulputate. Nulla quis nibh ipsum, sed egestas justo. Morbi ut ante mattis orci convallis tempor. Etiam a lacus a lacus pharetra porttitor quis accumsan odio. Sed vel euismod nisi. Etiam convallis rhoncus dui quis euismod. Maecenas lorem tellus, congue et condimentum ac, ullamcorper non sapien. Donec sagittis massa et leo semper a scelerisque metus faucibus. Morbi congue mattis mi. Phasellus sed nisl vitae risus tristique volutpat. Cras rutrum commodo luctus.

Bibliografia de Walter Benjamin

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Maecenas ac quam risus, at tempus justo. Sed dictum rutrum massa eu volutpat. Quisque vitae hendrerit sem. Pellentesque lorem felis, ultricies a bibendum id, bibendum sit amet nisl. Mauris et lorem quam. Maecenas rutrum imperdiet vulputate. Nulla quis nibh ipsum, sed egestas justo. Morbi ut ante mattis orci convallis tempor. Etiam a lacus a lacus pharetra porttitor quis accumsan odio. Sed vel euismod nisi. Etiam convallis rhoncus dui quis euismod. Maecenas lorem tellus, congue et condimentum ac, ullamcorper non sapien. Donec sagittis massa et leo semper a scelerisque metus faucibus. Morbi congue mattis mi. Phasellus sed nisl vitae risus tristique volutpat. Cras rutrum commodo luctus.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Maecenas ac quam risus, at tempus justo. Sed dictum rutrum massa eu volutpat. Quisque vitae hendrerit sem. Pellentesque lorem felis, ultricies a bibendum id, bibendum sit amet nisl. Mauris et lorem quam. Maecenas rutrum imperdiet vulputate. Nulla quis nibh ipsum, sed egestas justo. Morbi ut ante mattis orci convallis tempor. Etiam a lacus a lacus pharetra porttitor quis accumsan odio. Sed vel euismod nisi. Etiam convallis rhoncus dui quis euismod. Maecenas lorem tellus, congue et condimentum ac, ullamcorper non sapien. Donec sagittis massa et leo semper a scelerisque metus faucibus. Morbi congue mattis mi. Phasellus sed nisl vitae risus tristique volutpat. Cras rutrum commodo luctus.

início